fbpx

Casapark Solidário arrecada doações de material escolar para jovens do projeto CAPI – Centro de Atletismo do Paranoá e Itapoã

12 de Janeiro de 2022

Em parceria com a organização Formiguinhas da Alegria, o Casapark Solidário dá início à campanha de arrecadação de material escolar para crianças e adolescentes atendidas pelo projeto CAPI – Centro de Atletismo do Paranoá e Itapoã. A entidade não governamental atende 146 jovens em idade escolar que treinam modalidades de atletismo sob comando do professor de educação física Gilvan Ferreira dos Santos. Os jovens precisam de material escolar, como lápis, borracha, régua, caneta, caderno, estojo, mochilas, entre outros. As doações devem ser colocadas no ponto de coleta instalado na Entrada Principal do Casapark de segunda a sábado, das 10h às 22h, e domingo, das 12h às 20h.  O Casapark fica no SGCV Lote 22, Park Sul – Brasília. Telefone: (61) 3403-5300.

 

Criado pelo professor Gilvan há 15 anos, somente em 2015, o projeto conseguiu o reconhecimento e o apoio para a construção de um centro de treinamento na Quadra 34 do Paranoá. Do CAPI, podem participar jovens que moram no Paranoá e no Itapoã e que comprovem que estão não só na escola, mas também que estão se saindo bem nos estudos. O projeto já revelou inúmeros talentos que competem em campeonatos regionais e nacionais e conta com o apoio da comunidade, que também pode utilizar as pistas de treino para praticar exercícios. Junto com o time brasileiro de revezamento 4×4, Marina Severina de Siqueira foi campeã na Categoria Sub-20 no campeonato sul-americano de Lima, Peru, 2021.

 

Mais recentemente, o projeto CAPI levou mais duas atletas ao pódio. Em uma das mais difíceis provas do atletismo, Michelly Souza foi campeã brasileira da Marcha Atlética na Categoria 12 Anos nos Jogos Escolares 2021, realizados no Rio de Janeiro. “No dia 10 de janeiro, mais dois pódios: Gabrielly Neves foi campeã na Copa Brasil de Marcha Atlética, realizada em Bragança Paulista, São Paulo, no último dia 10 de janeiro, na Marcha Atlética 5 km Sub-18, e Michelly Souza foi vice, nos 3 km, na categoria Sub-16. Gabrielly e Emannuel Pereira, que venceu a Marcha Atlética nos 10 km Sub-18, também na Copa em Bragança Paulista, seguem junto com 30 atletas da seleção brasileira para Lima, no Peru, onde competem no sul-americano de atletismo”, celebra o professor Gilvan.

 

O Casapark Solidário foi criado em 2020 como uma forma de ajudar instituições que apoiam pessoas e comunidades em situação de vulnerabilidade social. “Em pouco mais de 18 meses, o Casapark Solidário já arrecadou cerca de oito toneladas de alimentos e incontáveis peças de roupas, fraldas para idosos e produtos de higiene pessoal”, afirma Carol Valença, gerente de marketing do Casapark. “A solidariedade é um meio poderoso para fazer frente às urgências de pessoal em vulnerabilidade social e o fortalecimento das comunidades”, completa.

 

A Formiguinhas da Alegria surgiu da necessidade de expandir as ações sociais realizadas pela ONG Amigos da Estrutural, entidade criada por amigos interessados em ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade em um dos bairros mais carentes de Brasília. O projeto tem como foco a realização de atividades com crianças de comunidades carentes para proporcionar dias felizes a estas crianças para aliviar a realidade, muitas vezes dura, que elas vivenciam diariamente.

 

Atualmente, a organização conta com 200 membros, entre voluntários e parceiros que auxiliam nas ações assistenciais, com doações de alimentos e materiais, captação de recursos, melhorias de infraestrutura das creches, atividades para as crianças e na montagem e distribuição de cestas básicas.

Cadastre-se e receba novidades

Quer ficar sabendo sobre promoções, notícias e informações do CasaPark?

Cadastre-se